Sentar e Olhar a Vida

Quando tenho a chance de visitar casas e escolas e preciso fazer análises de ambientes, aprendi a ter sempre a mesma atitude: sento-me. Esse texto é sobre isso. Sobre quanto precisamos sentar, em nossas vidas com as crianças, para que tudo corra em paz. Hoje em dia, vivemos bastante sentados. Sentamos diante da televisão, do … Mais Sentar e Olhar a Vida

Montessori: Uma Vida de Revolução Pacífica

Novembro de 1907. Em um bairro muito pobre, de famílias trabalhadoras e majoritariamente analfabetas, Montessori está com a professora de uma sala de sessenta crianças, de três a seis anos, brincando à sua volta, quando pede a um garoto a quem entrega um pedaço de giz: “Desenha-me uma chaminé”, e sai, caminhando, para descobrir o … Mais Montessori: Uma Vida de Revolução Pacífica

Adultismo e Montessori

Em A Criança (p.21,22), Montessori disse: “A pregação em favor da criança deve persistir na atitude de acusação contra o adulto: acusação sem remissão, sem exceção. // Eis que, a certa altura, a acusação transforma-se num centro de interesse fascinante, pois não denuncia erros involuntários, o que seria humilhante, indicando falha ou ineficácia. Denuncia erros … Mais Adultismo e Montessori

Voltar a Montessori – O Controle do Erro

Em Montessori, confiamos na criança. A criança também confia em si. Essa dupla confiança é possível primeiro graças à natureza mesma da criança: eles sabem o que fazer, e eles sabem qual caminho seguir em direção à vida e à independência. Um outro pilar dessa confiança é uma característica da relação que se estabelece entre … Mais Voltar a Montessori – O Controle do Erro