Material Montessori em Casa? Sim, Não e Porquê.

Os materiais montessorianos são lindos e isso ninguém discute. Eles funcionam muito bem para aprender todo tipo de habilidade e conteúdo. São usados em escolas, clínicas e asilos. Então: vale a pena usar materiais montessorianos em casa?

A resposta montessoriana clássica é não. Mas essa resposta é simplista. Às vezes vale a pena sim. O importante é entendermos quandoporque o material Montessori tem um papel importante e, finalmente, quais materiais são importantes em casa.

SIM

O material Montessori faz sentido em casa quando:

  • É de Vida Prática – os materiais de Vida Prática ajudam na independência da criança, e alguns podem existir em casa, mesmo que a criança esteja numa escola montessoriana. Vale a pena, por exemplo, ter uma bandeja com uma tábua, uma faca e um potinho para uma criança cortar frutas e vegetais. Outros materiais de Vida Prática também podem ser legais em casa.
  • Você faz homeschooling – se você faz homeschooling ou unschooling com seu filho, os materiais montessorianos podem ajudar vocês dois. Algumas coisas importam aí: o material não faz milagre. Se você quer os efeitos que eles têm numa escola montessoriana, precisa aprender muito sobre os materiais, ter um conjunto mínimo completo e, de preferência, ter algumas crianças os utilizando além da sua.
  • Seu filho não está numa escola Montessori – nesse caso, você não vai usar todo o material, mas pode ter o material de Vida Prática e alguma coisa de Linguagem, Matemática, Sensorial e as extensões de Linguagem que chamamos de Conhecimento de Mundo (História, Geografia e Ciências) – se você estudar e aprender a usar esses materiais, eles podem ser um suporte válido para o aprendizado. Pode acontecer de eles conduzirem menos à autoeducação, porque o uso talvez seja mais direcionado, mas uma das coisas que eles fazem é tornar a lição de casa um momento mais agradável.

NÃO

O material montessoriano não precisa, nem deve, estar em casa quando:

  • Seu filho já está numa escola montessoriana – os profissionais de uma escola montessoriana participam de formações para utilizarem os materiais, do mesmo jeito que um dentista aprende a usar os aparelhos ortodônticos. Se você pode ir ao dentista, não vale a pena ter os aparelhos em casa. Uma escova de dentes é suficiente. Para a sua criança, isso é a brincadeira e as atividades de Vida Prática.
  • Você não vai estudar o uso do material – se seu filho não está numa escola montessoriana e você acha que os materiais podem ser legais, estude bastante. Montessori disse que “muitos crimes já foram cometidos em nome de Montessori”, e eu já vi muito material servir como instrumento de tortura de crianças, que eram hiperestimuladas ou cobradas a usar o material mais do que queriam.
  • Seu filho está numa escola legal que tem suas próprias ferramentas – pode ser que seu filho não esteja em Montessori, mas esteja, por exemplo, em Reggio Emilia, que é uma pedagogia incrível com bons resultados. Nesse caso, converse com a escola, veja com a escola o que é mais legal você fazer. Pode ser que o material montessoriano seja uma mistura desnecessária e que atrapalhe a criança.

PORQUE

Os materiais montessorianos em geral são caros ou trabalhosos para fazer. Valem cada centavo e cada segundo gastos. Para uma escola. Para casa, nem sempre. Avalie se a necessidade pode ser satisfeita de outra forma, antes de gastar tempo e dinheiro com um material montessoriano que, provavelmente, só vai ser usado intensamente por algumas semanas pelo seu filho.

Um bom conjunto de materiais de casa (cozinha, jardim, limpeza) e um banquinho podem ser presentes muito mais úteis, importantes e que conduzam muito mais à felicidade do que uma Torre Rosa. E você provavelmente vai gastar a mesma coisa…

Além disso, os materiais foram criados para serem usados em uma sequência. É bem comum que famílias comprem um material só e ele não funcione, porque na casa não existe tudo o que precisa vir antes para ele funcionar. De novo: o material montessoriano não faz milagres (só alguns, às vezes). Em geral, precisamos estudar muito para usá-los bem e colher os frutos de sua utilização.

SUGESTÕES

Dedique-se à vida familiar e doméstica, e empregue esforços nos materiais e nas medidas necessárias para sua criança alcançar independência. Isso vai ajudá-la em todo o resto.

Quando for hora da alfabetização e da introdução à aritmética, dê uma olhada nos capítulos do livro A Descoberta da Criança (Montessori, ed. Kirion) sobre o assunto, converse com a escola, e avalie se vale a pena usar suportes em casa. Às vezes vale.

Finalmente, observe muito seu(s) filho(s). Cada criança necessita de uma atividade, um objeto ou um material em momentos diferentes. Nem todo material serve para todas ao mesmo tempo. É pela observação que você vai descobrir qual a curiosidade de sua criança agora, o que ela busca, o que quer aprender. Siga sua criança e mostre o caminho – o caminho que ela deseja trilhar. Se algum material fizer parte dele, bem. Se não fizer, que também seja um caminho de completude e realização.


Quer aprender mais sobre o material e outros aspectos de Montessori?

Curso Montessori


Imagem: https://msr.org/montessori-materials-metal-insets/


Um comentário sobre “Material Montessori em Casa? Sim, Não e Porquê.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s