Como respeitar as crianças e ter festas tranquilas no final do ano

Festas de final de ano podem ser maravilhosas. Momentos de alegria, generosidade, família, e paz. Para que sejam, precisamos aprender a respeitar nossas crianças e ajudá-las a ficar bem durante os dias mais longos e cheios das festas. Aqui, vão dez sugestões do Lar Montessori. Nós já demos essas sugestões lá no Facebook, para o Natal, e as sugestões foram usadas por centenas de famílias. Agora, estão aqui para o Ano Novo! Boas festas e um Ano Novo cheio de esperança e felicidade.

1. Antecipe a ceia. Pelo menos a das crianças. Elas não precisam ficar acordadas até meia-noite para comer. Se isso decididamente não for uma opção, veja a dica 2.

2. No meio da tarde, saia para brincar com as crianças (é, abandone a casa no dia da Festa só um instante), e quando voltar arranje uma soneca. Vai ajudar à noite.

3. Transforme o que puder da preparação da ceia em algo ativo para as crianças. Elas podem decorar a salada, misturar a farofa, cortar frutas, lavar alguma coisa, ajudar a decorar a mesa… lembre-se de que elas não são ajudantes de verdade, é você que os está ajudando a ficar emocionalmente bem.

4. Não coloque as crianças na frente da televisão ou de outras telas ao longo do dia para poder preparar a noite. As crianças ficam agitadas e exaustas na televisão.

5. Se a criança ganhar presentes barulhentos, não culpe a criança por usar esses presentes. Depois de uns minutos (não dois, mas quinze), peça para a criança desligar e ligar de novo amanhã, porque está tarde. Peça com carinho, atenção e compreensão.

6. Não obrigue a criança a tocar todo mundo. Ela pode abraçar ou beijar as pessoas aos poucos ao longo das festas, ou pode não beijar todo mundo e não abraçar todo mundo. Temos que usar nossas habilidades sociais e conseguir compreensão dos adultos, mais que das crianças, nessas horas.

7. Não deixe a TV ligada durante a festa para a criança. Deixe que ela participe da festa com todo mundo, a inclua ativamente em alguns momentos, e quando ela tiver algo a dizer, faça questão de escutar de verdade, responder de verdade, e demonstrar que ela é tão importante quanto qualquer convidado.

8. Liberte sua criança de situações constrangedoras. Ela precisa de você para isso. Não participe da situação constrangedora sob nenhuma hipótese.

9. Se os familiares questionarem a forma como você cria seus filhos, diga o que faz e porquê. Evite chamar de “Montessori” se isso só for criar discórdia. Crie paz até o limite das suas habilidades, e depois crie silêncio. Compreenda que os adultos que estão lá não tiveram a sorte dos seus filhos, e estão cheios de feridas que os levam a questionar a liberdade e o bem-estar de crianças que não sofrem o que eles sofreram.

10. “A criança é uma esperança e uma promessa para a humanidade” – Maria Montessori. Final de Ano é época de esperança e promessa. Comemore suas crianças e tudo o que elas trazem de novo e de maravilhoso para a humanidade. Obrigado por elas, e um final de ano incrível para você e todos os que importam em sua vida.



Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s