Criamos Crianças com Valores Invertidos. Finalmente.

Em Montessori, o "respeito à personalidade infantil foi levado a um extremo nunca antes atingido". Alguns adultos se assustam, e dizem que se as coisas continuarem assim, as crianças se tornarão os "reizinhos da casa". Não é verdade, claro. Elas só vão se tornar o que sempre foram: gente.

Educar para a Sobrevivência ou Educar para a Vida

Para viver de verdade, precisamos de uma educação complexa. Uma educação que dê conta de contradições, que abrigue o diálogo, o erro, a exploração, os diversos tipos de trabalho, o desenvolvimento das várias capacidades humanas. Não dá mais para desenvolver tudo em cima de medo e prazer. Nós precisamos de propósito, felicidade, autoconhecimento, autoconstrução, socialização profunda. Por isso, precisamos pensar uma nova educação.